Despaixão

A paixão é uma venda, uma luz forte, uma droga. Algo tão viciante e tão intenso que não nos deixa enxergar as coisas como elas realmente são. Fato.

Bem, naquele famoso gráfico, quando se chega no topo se revelam as verdades.

Ok, simplificando, as paixões se acabam e o que fica é a mais pura realidade, esta cruel amiga que nos rasga por dentro.

Por outro lado, se o amor é o amadurecimento da paixão, o sentimento oposto é ainda pior e mais destrutivo.

A despaixão.

Se trata daquele limbo do sentimento não acabado. É algo que não é, já foi, mas não deixou exatamente de ser.

As vezes é mais difícil curar uma despaixão do que superar um fim de relacionamento cheio de amor e consistência.

A despaixão é aquela gripe mal curada que fica com você durante todo o inverno…ela só vai embora quando você aceita tomar os remédios certos.

Normalmente os remédios são doses bem graúdas de amor próprio e quem sabe uma nova paixão.

Pode ser paixão por alguém, por alguma coisa, pelo trabalho, tanto faz, apaixone-se e livre-se da despaixão!

shutterstock_125683361

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s