Maio

Eis que chega com suas tardes de sol e o sereno da madrugada, o mês das noivas, da poesia, da alegria, o mês de maio que com sua mágica transforma os corações mais endurecidos…

Será?

Não custa nada ter esperança, melhor acreditar em algo do que murmurar pelos cantos a falta de crença.

Quando eu era criança acreditava que se eu quisesse muito muito alguma coisa, bastava eu fechar os olhos e repetir o pedido na minha cabeça e então meu desejo se realizaria.

É óbvio que as coisas não funcionam assim, mas sinto falta da Poli criança, da menina que não tinha medo de acreditar em nada.

Começo o mês assim, pensativa, na expectativa de que algo ou alguém possa me devolver a mim…

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s